A CASA ELÉTRICA

Drama. Brasil / Argentina. 2012. 114’

O filme narra as aventuras do imigrante italiano Saverio Leonetti, que chegou a Porto Alegre, no extremo sul do Brasil, no começo do século XX. Disposto a marcar época, cria a primeira fábrica de gramofones no Brasil e o segundo selo discográfico a imprimir vinis na América Latina. Entre Porto Alegre e Buenos Aires cria os primeiros laços entre a música regional brasileira, nos primórdios do samba, com o tango argentino. Projeto selecionado no 1º Edital de Finalização do FAC-RS.

Direção e roteiro: Gustavo Fogaça

Produção: Beto Rodrigues e Tatiana Sager

Elenco: Nicola Siri, Jean Pierre Noher, Carmela Paglioli, André Di Mauro, Juan Arena e Rafael Pimenta.

Prêmios e Festivais: Participação especial no 41º Festival de Cinema Latino de Gramado, Mostra Latina do Festival Internacional do Rio, Festin Lisboa e Melhor Edição de Som no Festival de Cinema e Música de Conservatória/RJ.

PERSONAS HUMANAS Ficção

PERSONAS HUMANAS Thriller policial – Venezuela/Panamá/Canadá/Brasil (em realização) Um criminoso chamado Nando retorna 30 anos depois a sua terra natal, […]

MEU MUNDIAL / MI MUNDIAL Ficção

MEU MUNDIAL Drama romântico. Uruguai, Brasil e Argentina. 95’ (em pós-produção) Tito, um garoto que mora na cidade de Colônia, […]

COMBOIO DE SAL E AÇÚCAR Ficção

Drama histórico. Portugal, França e Brasil. 2015/2016.100’ Moçambique, em plena guerra civil, o comboio que liga Nampula ao Malawi é […]

Copyright 2015 - Panda Filmes - Todos os direitos reservados. Desenvolvido por BigHouseWeb